Razão e Sensibilidade - Jane Austen

 


Editora: Faro Editorial
(Lido em parceria)
2024 - 228 págs

Sinopse perfeita: "Considerado um dos maiores romances de Jane Austen, Razão e Sensibilidade acompanha a vida das irmãs Elinor e Marianne Dashwood enquanto passam por turbulências em busca da felicidade amorosa. Com sarcasmo mordaz e inteligência profunda, entre peripécias, desencontros e revelações, a obra retrata a verdadeira revolução social ocasionada pela mudança para a realização do casamento por amor. Há em Razão e Sensibilidade uma história de amor que, num primeiro momento, parece trivial, mas quando a penetramos profundamente, encontramos uma narrativa sobre maturidade, crescimento pessoal, honra e compromisso, na qual vencem o cultivo do caráter, a sinceridade de propósitos, a paciência, a generosidade e a persistência; e o amor surge como consequência do desenvolvimento da personalidade pelos valores elevados e da síntese entre razão e sensibilidade.

Trata-se de uma obra que permanece atual, especialmente numa época como a nossa, em que a insensibilidade assumiu o poder, e a razão é capaz de assumir, muitas vezes, uma voz cínica ou moralista."

Lembrando:
"O romance de época não se importa com datas e nem faz referências a fatos históricos importantes, ele se preocupa em mostrar como vivia e se comportava um povo em um determinado tempo."

Esse foi o primeiro livro da Jane Austen que li em abril de 2013, então essa releitura veio em uma boa hora, já que eu não lembrava de quase nada da história. E garanto que li dessa vez com um olhar mais crítico e a apesar de entender que muita coisa relatada na história eram costumes da época e que graças a Deus já mudou, foi difícil ler algumas falas de dois personagens que tive raiva e o livro ficou cheio de comentários de minhas reações ao longo da leitura. Mas de uma forma geral foi muito bom perceber o inicio das mudanças na sociedade que começava a cogitar os casamentos motivados por sentimento e não só por negócios. Mas mesmo assim fiquei impressionada em como se falava abertamente de quanto cada um ganhava e qual casamento seria mais vantajoso e tal. Apesar desse ponto que me incomodou um pouco amei acompanhar os personagens que com seu caráter e resiliência souberam superar as dificuldades e esperar a hora de ser feliz. Amei a releitura e indico demais.

Relendo minha primeira resenha percebi que os personagens que mais gostei continuam os mesmos Elinor Dashwood e o Capitão Brandon. O amadurecimento de Marianne Dashwood em todo enredo foi maravilhoso, ela precisou sair do seu mundo de exigências adolescentes e crenças, passar por uma decepção, ficar doente mas aprendeu com tudo que lhe aconteceu, deixou a teimosia de lado e se permitiu ser feliz e valorizando mais e mais sua mãe e irmãs. Edward Ferrars apesar de tímido e contido conseguiu provar seu valor e dar a volta por cima antes de conquistar sua felicidade.

Mas preciso falar de alguns personagens que tive muita raiva e tive vontade de entrar na história pra falar poucas e boas (hahaha): O primeiro foi John Dashwood que após a morte do pai prometeu cuidar das irmãs e da madrasta (estabelecer elas, porque nessa época as mulheres não herdavam propriedades e passavam por sufocos após perder os pais e maridos) e a esposa dele acabou o convencendo a dar a elas o mínimo do mínimo e se não fosse a ajuda de um parente distante a situação delas teria sido pior. Mais leiam e descubram por tudo que essas mulheres fortes enfrentaram até conseguires se reestabelecerem.

O outro personagem que me deixou 'p' da vida foi o Mr. Willoughby, esse personagem teve uma trajetória que não me agradou em nada, fez a escolha dele pelo casamento por dinheiro do que pelo amor, para não perder seu padrão de vida e depois veio com um papo de estar arrependido e que não queria que as Dashwood o odiasse etc, jesus não deu pra mim, atrasou minha finalização da leitura aturar o capítulo enorme com as desculpas e justificativas, não deu pra mim.

De uma forma geral amei reencontrar os personagens dessa história, e refletir de forma mais crítica dessa vez aos personagens já citados. Como dizem as releituras são positivas nesse aspectos porque elas nunca encontrarão o leitor do mesmo jeito, fiquei feliz em perceber o quanto amadureci depois de onze anos do primeiro contato com esse enredo. Penso que ler romances de época, de autores clássicos ou contemporâneos nos dá a oportunidade de refletir sobre a evolução dos costumes de nossa sociedade, no caso dos direitos das mulheres e dos direitos civis, além de outras conquistas ao longo dos séculos. Fica a dica de mais uma ótima leitura, mas o lembrete é que os livros da Jane Austen não são livros para se ler apressadamente, mas de forma tranquila porque ela costuma pintar um quadro em nossa mente e ir desenvolvendo o enredo aos poucos ao longo dos diálogos dos personagens. É isso, fiz uma resenha mais das minhas impressões mesmo sem me preocupar tanto com regras e estruturas, espero que vocês tenham gostado.


Confira também a resenha de Orgulho e preconceito aqui!!!

Filme de 1995:


(As Dashwoods)


Lançamentos Abril - Faro Editorial!!!

 


Oi gente linda, como vocês estão? Espero que ótimos. Vamos conhecer os lançamentos da editora parceira do blog, esse mês está recheado de títulos interessantes, queria ler todos. Continue por aqui para conhecer um pouco mais sobre eles. Depois me fala quais livros chamaram mais a atenção de vocês!!!


1° título de Romantasy "Coven trará uma trama mergulhada no universo sombrio das artes ocultas." Uma duologia envolvente, sóbria e sensual que levará os leitores numa jornada cheia de descobertas surpreendentes. "A combinação ideal de sobrenatural e hot, com toques de magia. Vamos conhecer uma garota chamada Willow, que é descendente de duas linhas bruxas das famílias fundadoras do Coven. E isso é um problema. Por que? Porque existe um acordo de que jamais nasça um bruxo com duas magias, e por isso, os homens que optam por continuar praticando magia, não podem ter filhos. Mas sim, o pai da Willow foi uma criança escondida do Coven e ele fez uma criança com dupla bruxaria. E quando a mãe dela morre, ela vai ser levada para o clã desses bruxos fundadores, mas com uma missão: Vingar a morte da tia - irmã do pai - que aconteceu dentro dos muros da universidade dos bruxos."


1° título de Romance de época hot da Faro. Vamos conhecer a história de Trevor e Virtue. Trevor era um duque com uma reputação nada limpa, além de um trabalho secreto que lhe rendeu muitos inimigos. E ele se vê como o tutor da Virtue quando o pai dela - grande amigo dele - morre. Ai a meta é arrumar um marido pra essa moça porém, contudo, todavia, ele quer ela pra ele!!! Mas a vida do duque está em perigo!!! Vai ser série!!!"


Sequência de Golden Boys!!! Aqui finalmente vamos ver o desfecho dos nossos quatro amigos, que vão se formar no colégio, e terão que colocar em prática aquelas decisões - e dúvidas - do livro passado!


Penúltimo livro da nossa Angelina, sim gente, tá acabando - e o último deve vir em junho, já preparem o coração. Aqui Angelina vai ser convidada para realiza rum grande sonho: ser Dama de Honra de um casamento muito importante. Porém, pra variar, seus irmãos podem arruinar tudo!


Mais uma fantasia infantojuvenil com toques de sobrenatural! Esse é livro único e tem uma pegada meio Wandinha, meio Viva. Vamos conhecer uma família excêntrica e junto um garotinho de 12 anos chamado Marius, que tem uma função estranha: ele é o guardião do cemitério da família. Só que mais que isso, ele quer trazer a mãe dele de volta à vida, e vai fazer de tudo pra que isso aconteça.


Edição de luxo de Os Lusíadas, o poema português mais famoso do mundo, para a comemoração dos 500 anos de nascimento do poeta. É um livro edição limitada, especial para colecionadores.


Livro teórico sobre revolução cultural, com viés político.


P.S. Informações cedidas pela assessoria de comunicação da editora.

Espero que tenham gostado das novas dicas de leitura.

Para mais detalhes sobre os títulos, visite o site da editora AQUI

Fechando o mês - Março!!!

 


Não sei explicar mas esse mês de março passou de um jeito tão impactante pra mim que parece que foram vários meses em um. Ainda estou no processo de aceitação do luto de mãe e do fim do meu relacionamento de anos, são mudanças que causam reflexões e a necessidade de replanejar o rumo da vida, mas sei que nada acontece por acaso e que temos que aprender com cada coisa que a vida nos apresentam. Mesmo nesse turbilhão de emoções, tive que correr atrás do meu estágio e se tudo der certo em abril estarei iniciando ele e o foco será a conclusão do curso etc. Apesar de tudo consegui um tempinho na minha rotina de treinos e tudo já relatado para distrair a mente lendo e vendo filmes e séries. Vamos conferir os títulos:

Leituras Finalizadas:

1. Antes de me libertar - Kennedy Ryan

2. A vingança do cupido - Wibke Brueggemann

3. É sobre amor - Jenna Ortega

Cada um a seu modo me fisgou e deixou sua marca em mim como leitora.

Já tem resenha de todos aqui, para conferir é só voltar alguns posts, ok!!!


Séries finalizadas:

3° temporada - última - As Five (Globo Play)
Amei essa série, desde da malhação de onde ela se originou. Cada temporada teve seu brilho e foi muito significativo acompanhar toda trajetória de vida desse grupo de amigas da escola a vida adulta, cada uma com sua limitação e sonhos a batalhar.



3° temporada - The Boys (Prime Vídeo)
Essa é série é eita atrás de vixe, mas a forma como foi finalizada essa terceira temporada me deixou curiosa para a próxima temporada. Que venha o segundo semestre para eu conferir a 4° temporada.



1° temporada - Turma da Mônica (Globo Play)
Adoro essa turma desde que eu era criança e estou amando conferir filmes e séries sobre eles. Nessa série o inicio achei até chatinho, mas depois foi ficando empolgante e finalizou de forma maravilhosa.



Filmes vistos:

Tá escrito (Globo Play)
Confesso que esperava mais desse filme, achei ele muito bobo e muito voltado para comédia (esperava um equilíbrio maior). Mas apesar disso adoro a atriz e achei divertido e com uma mensagem importante.



Fazendo meu filme (Prime Vídeo)
Li todos os livros da série e essa história foi muito especial pra mim e amei ver o filme que ficou bem fiel ao mundo criado pela autora. Ele é bem levinho, mas com assuntos importantes e que fazem parte da fase da adolescência. Vejam que está muito bom.



Donzela (Netflix)
Esse filme foi surpreendente e com uma mensagem para todas as mulheres, daquelas que não devemos esperar ninguém para nos salvar e que devemos ser corretas e justas em todos os momentos da vida. Show em todos os sentidos esse filme!!!! 



Nada é por Acaso (Prime Vídeo)
Para quem é espírita Kardecista esse filme é uma aula. Amo os atores e foi ótimo relembrar alguns pontos dessa doutrina e ter meu interesse reacendido vendo essa história.



A outra Zoey (Prime Vídeo)
Por fim esse filme, leve, divertido e com mensagens importantes e interessantes sim.



Esse foi o meu mês de março e espero que abril seja leve e tranquilo!!!

É sobre Amor - Reflexões para o coração e a alma - Jenna Ortega

 


Editora: Rocco
2023 - 222 págs
Sinopse: Skoob

Confesso que escolhi comprar esse livro por gostar do trabalho da atriz Jenna Ortega de 21 anos e por ter amado seu trabalho como 'Wandinha' e aproveitei uma das mil promoções da amazon e adquiri. Comecei logo em seguida a ler e confesso que pensei que fosse ser algo mais profundo, mas foi basicamente a Jenna passeando por temas e dando sua breve opinião e compartilhando algumas situações que viveu ligada ao tema. 

Foi interessante iniciar as reflexões propostas e acredito que será uma ótima dica de leitura para os jovens e jovens adultos como ela. Com certeza é muito importante desmistificar alguns temas como ela fez e deixar claro que tomar algumas atitudes na vida não te fazem ser alguém ruim, mas alguém que buscar seu bem emocional acima de tudo e a máxima do livro foi 'Enquanto houver amor tudo é possível!!!'



"Eu me conecto com pessoas que me apoiam (...) apesar de tudo que não temos em comum, nos conectamos como indivíduos que enfrentam as mesmas dúvidas e inseguranças, que querem se olhar no espelho e, no reflexo, enxergar amor." Carta da autora

"Priorize a gentileza. (...) nunca se sabe se alguém está tendo um dia ruim, e um pequeno elogio pode ajudar o outro a sorrir." pág.5

"Você não precisa ter um monte de gente por perto - apenas algumas pessoas importantes que mostrem seu valor e lhe tragam paz quando você não consegue encontrá-la por si só." pág.17

"O amor é construído por meio da confiança e da conexão." pág.19

"Quando construímos muros, bloqueamos as coisas boas tanto quanto as ruins." pág.23

"Eu tento manter a palavra "ódio" fora do meu vocabulário." pág.24

"Eu procuro valorizar cada conexão que faço e apreciar o indivíduo e a oportunidade de aprender através de novas perspectivas." pág.37

"A vida é imprevisível - e é bem mais saudável deixar as coisas acontecerem e ter fé de que tudo vai funcionar do jeito que deve ser. (...) abrir mão do que não posso controlar. Contanto que eu saiba que fiz tudo o que pude, minha fé me tranquiliza quando a dúvida se manifesta." pág.49

"Tenho me esforçado para aprender a ser mais seletiva com a distribuição da minha energia. (...) Não é possível, nem saudável, estar disponível emocionalmente o tempo inteiro." pág.67

"Não subestime o valor de escolher o silêncio. Não gaste sua energia pensando na melhor forma de rebater uma crítica. Assim, você acaba se rebaixando. É melhor deixar para lá. (...) É melhor se concentrar nas coisas que te fazem feliz, seus objetivos e suas prioridades." pág.129

"É impossível impedir as pessoas de exalarem negatividade, mas é possível controlar a energia que dedicamos a isso e como a situação afeta nossa vida." pág.131

"Que a gente se permita ter dias ruins. Seja paciente consigo mesmo, mas busque ajuda." pág. 185

"A forma como tratamos os outros, a forma como agimos, forma a pessoa que somos. E é dessa maneira que seremos lembrados." pág.217

A Vingança do Cupido - Wibke Brueggemann

 


Editora: Faro Editorial
(Lido em parceria)
2024 - 256 páginas
Sinopse: Skoob

"A vingança do cupido, de Wibke Brueggemann, é sobre melhores amigos, primeiros amores e como você nunca pode escolher por quem se apaixona, mas pode querer manter todas essas pessoas em sua vida." - GoodReads

Confesso que a primeira coisa que me fez escolher esse livro para ler foi essa capa linda, segundo por ser o primeiro romance sáfico (romance entre mulheres) lançado pela editora. Acredito que apesar de todo preconceito que ainda existe em nosso mundo, o amor é quem deve ter o protagonismo, não importa o gênero ou o sexo de quem ama, mas enfim nesse livro o assunto será tratado com leveza e as personagens são jovens que ainda estão na fase de se descobrir e ter seus primeiros contatos com o amor e o sexo. Amei conhecer e acompanhar a trajetória de Tilly e Katherine. 

Quando comecei a ler pensei que seria daqueles livros bobinhos com um único assunto, mas fui surpreendida por um tema que me tocou de verdade, o avô de Tilly foi diagnosticado com Alzheimer e por isso ele terá que morar com ela e com seus pais; no início ela reage como qualquer pessoa que vê que sua rotina irá mudar e que sua responsabilidade irá aumentar (já que seus pais não tem tempo nem pra ela), mas como o passar dos dias ela entende que ter a oportunidade de conviver com ele não tem preço, ele ainda está no estágio inicial da doença e sua memória ainda está boa tendo momentos de crise e assim precisando de atenção. (As fases e assuntos discutidos por eles me tocaram por eu ter vivido momentos semelhantes com minha mãe então a empatia foi mais intensa e a emoção também).

Matilda (Tilly) tem um melhor amigo e vizinho chamado Teddy. Teddy pede a ajuda de Tilly para se aproximar de Katherine, uma garota que ele está interessado mas não consegue fazer isso sozinho. O plano seria se inscrever em um grupo de teatro amador (os pais deles são artistas, mas eles não tem muito envolvimento com a arte). Tilly aceita acompanhar o amigo e para surpresa dela sua conexão com Katherine é quase imediata, mas não será fácil para ninguém o desenrolar dessa história. Mas garanto que quem embarcar nas páginas de 'A vingança do cupido' encontrará como já citado momentos tocantes e emocionantes tanto familiares como entre amigos, além de cenas divertidas como a preparação para um flash mob quanto uma peça de teatro amador, se eu fosse você corria para ler essa história.

P.S. Duas curiosidades que tem no livro que gostei e achei interessante. Os capítulos são divididos em ATOS e CENAS em referência a peça de teatro já citada aqui. Além disso o uso dos pronomes modificados (ELU, TODES, JUNTES ... ) que vem causando polêmicas na atualidade estão presentes na história.



"Gostaria de deixar registrado que nunca tive a intenção de me apaixonar. Eu ia ficar longe disso tudo, mesmo depois do que aconteceu na igreja. E talvez até depois disso, mas você sabe como o Cupido é: te pega quando você menos espera." pág.7

"É uma coisa estranha a rapidez com que a coragem surge e a decência pula pela janela quando você realmente quer algo." pág.96

"Acho que sou como meu pai. Quero que as pessoas ouçam e aprendam, e queiram fazer o bem, mas não através de Jesus, através das histórias de pessoas normais." pág.119

"Quero que você entenda que seu avô é uma pessoa vulnerável e que não pode ser deixado sozinho por muito tempo." pág.123

"Por que tudo gira em torno de a gente ser ou não bom em alguma coisa? Às vezes deveria ser suficiente o fato de você querer fazer." pág.141

"A demência tira a pessoa de você pouco a pouco, e aí, num belo dia, eles simplesmente se foram, mesmo que ainda estejam sentados ao seu lado. E você gostaria de poder voltar no tempo, mesmo que apenas por cinco minutos, para quando eles ainda estavam lá, para dizer uma última vez que você os ama." pág.210

"É ótimo que você sempre teve certeza da sua sexualidade, mas já te ocorreu que nem todas as pessoas são como você? Tipo, não tenho nenhuma intenção de manter isso em segredo e tal, mas eu quero contar para as pessoas." pág.250


Antes de me libertar de você - Kennedy Ryan

 


Editora: Faro Editorial
(Lido em parceria)
2024 - 320 páginas
Sinopse: Skoob

"Se você ama um drama com reviravoltas felizes, este livro é para você." Christina Lauren

"Será que as pessoas se lembram do momento exato em que se apaixonaram?" 
Essa é a primeira frase do livro, tem como não amar???

Quando escolhi esse livro para ler confesso que não conhecia a autora nem li nada sobre ele, simplesmente apostei devido o catálogo da editora que já conheço e adoro. Além disso iniciei a leitura com a mente e o coração abertos e garanto que não me arrependi, pelo contrário, me envolvi de tal forma no enredo que parecia que os personagens estavam conversando comigo. 

Nessa história conheceremos um casal que se conheceu e se casou super apaixonado, formaram uma família linda e um negócio de sucesso. Tudo indicava que eles tinham seu feliz para sempre, mas duas perdas seguidas abalou a estrutura deles e fez com que cada um reagisse de formas opostas e acabassem se afastando e a separação aconteceu. Isso não é spoiler ok, como eles ficam após essa fase é o que será contado em 'Antes de me libertar de você' e veremos que amores verdadeiros sempre dão um jeito de se reencontrarem, não importa quanto tempo ficaram separados.

A forma como cada um a seu modo conseguiu criar um caminho para cuidar dos negócios, da criação dos filhos e tudo que envolvia sua vida pessoal, tentando iniciar novos relacionamentos  mesmo gostando um do outro é bem apresentado na história, rendendo cenas dramáticas e até engraçadas. Para mim foi muito interessante ver como cada um com a rede de apoio que tinha conseguiu continuar seguindo com suas vidas, mesmo após perdas tão fortes para a vida e ambos. A forma como cada um se relacionou com os filhos (Deja e Kassim) após o ocorrido e a preocupação com o futuro deles, fez com que ambos percebam que precisam mudar a forma de lidar com certos assuntos e assim ter seus caminhos abertos para novas possibilidades.

As mensagens contidas nesse livro sobre amor, cuidado, superação de luto e perdas, a importância da terapia na vida das pessoas, o respeito aos desejos do outro, o entendimento de que cada pessoa superar suas dificuldades do jeito que cada um é capaz, a compreensão de que depressão é assunto sério e nem sempre quem está ao lado de quem sofre percebe e tenta entender as limitação do outro; além disso o acolhimento de seus próprios sentimentos e a aceitação que voltar atrás em decisões já tomadas não te faz fraco, mas corajoso por estar encarando o que realmente deseja. E acima de tudo a valorização do amor, da família e da história de cada um, são aprendizados e percepções que pude ter lendo esse livro e acredito que todos que gostam de dramas familiares com finais felizes irão amar esse livro. 

Um plus para quem gosta de cenas quentes, esse casal pega fogo!!!! A narrativa flui super rápido, os capítulos se revezam pelo casal de protagonistas Yasmen e Josiah, e assim podemos conferir as duas óticas da história. Eles moram em Downtown Skyland, no sul dos EUA. No final tem algumas das receitas faladas na história para quem quiser tentar reproduzir os pratos. Achei isso bem interessante. Fica a dica de leitura que vai deixar sua marca em seu coração, além de ampliar seus horizontes para vários assuntos importantes.



<<QUOTES>>>

"Me viro para encará-lo e me sinto despreparada para quão perto ele está. Estou descalça e a minha visão se limita ao peito largo e aos ombros do homem à minha frente. Já não ficamos mais sozinhos desse jeito. Levamos vidas separadas que só se cruzam em nossos filhos e em nossos negócios. (...) Raramente somos só nós dois. Costumávamos nos conhecer melhor do que ninguém." pg.20

"A nossa animosidade e tristeza extinguiram a paixão que sempre consideramos inabalável. Nos últimos meses do casamento, raramente dormíamos no mesmo quarto. Minha cama tem estado fria e vazia há muito tempo." pg.24

"Tudo tinha ficado tão ruim que eu sentia como se estivesse sufocando naquela casa, naquele casamento, e tinha que cair fora. Parecia que o mundo inteiro se apoiava sobre o meu peito todas as manhãs, e era só o que conseguia me tirar da cama. E tudo doía. 
Essa é a parte da depressão que as pessoas não levam em consideração: às vezes, dói fisicamente." pg.25

"As pessoas falam sobre as fases do luto, mas há uma fase de depressão em que você deixa de sentir um dor incapaz de suportar e passa a não sentir nada. Um torpor abençoado após uma tristeza debilitante." pg.44

"Parecia que o mundo inteiro estava sufocando o meu peito todas as manhãs e o divórcio foi tudo o que consegui fazer para sair da cama. O divórcio foi muito difícil, mas senti como se tivesse recuperado o fôlego depois que tudo terminou. A casa ficou em silêncio e, sim, senti saudade do Josiah logo de cara, desesperadamente, mas mesmo naquela nova solidão, havia uma espécie de alívio por ter apenas uma coisa para salvar. Não o meu casamento, mas apenas eu mesma." pg.57

"Não sei de que forma quero falar acerca da minha depressão. A minha filosofia sempre foi lidar com as coisas e seguir em frente, até que algo aconteceu que eu simplesmente não consegui. Era como acordar todas as manhãs sobre o parapeito estreito da janela e se perguntar: Hoje é o dia que vou cair?" pg.63

"O luto é árduo. É o trabalho de respirar, acordar, se levantar e se mover por um mundo que parece mais vazio. Um buraco enorme se abriu em sua existência, e todos ao seu redor simplesmente passam por ele como se nem mesmo existisse." pg64

"O que quero dizer é que, às vezes, quando não entendemos os nossos sentimentos, nós os apontamos na direção errada. Ou se eles ficam presos dentro da gente, começam a nos fazer mal." pg.93

"Existem infinitas portas a escolher quando perdemos coisas e pessoas que são importantes para nós. Um milhão de maneiras de passar pelo luto. Eu gostaria de saber quais portas você escolheu." pg.99

"Algo que pensei ter enterrado há muito tempo ressurge, nos envolve, dando nova vida a uma ligação que achava que estava morta." pg.148

"Sou mais grata ao tempo, que nem sempre cura todas as feridas, mas nos ensina a sermos felizes de novo mesmo com as nossas cicatrizes." pg.171

"Aprendi que a vida não consiste em receber o que você merece, consiste em aproveitar ao máximo o que você puder enquanto puder, porque é curta. Porque é instável. Porque tira quando menos esperamos. Agora tudo o que perdi me faz valorizar as coisas que tenho, em vez de sempre ter medo de perdê-las." pg.309

Lançamentos Março - Faro Editorial!!!!

 


Olá meus queridos, como vocês estão? Espero que todos bem. Mais um mês que se inicia e com ele os lançamentos para acrescentar a nossa famosa lista de desejados. Garanto que a Faro editorial caprichou esse mês. Vamos aos títulos:


"Quarto e último volume da nossa série adorada do Tom, o Milk-shake de monstros da Faro Editorial! Neste volume final, Tom vai ficar frente a frente com o zumbi que mordeu ele, e ainda passar pela ansiedade do primeiro beijo!" - Sou suspeita para falar, adoro essa série e já estava ansiosa para saber como ela seria finalizada!!!



"Suspense psicológico daqueles que a gente não sabe se passa pano ou se torce pra pessoa se ferrar! Vamos conhecer a Dra. Anne, uma renomada cirurgiã cardíaca que ao reconhecer um paciente na mesa de cirurgia e logo depois declarar a morte dele, terá sua vida virada de ponta cabeça com segredos do passado e do presente." - Ai meu Deus, mais um suspense para deixar nossos corações 'saindo pela boca' de nervosismo.



"Um livro LINDO sobre um homem solitário e prestes a acabar com a sua vida, um gato de rua procurando um lar. E uma amizade que vai mudar o destino dos dois!" - Dica para quem gosta de livros emocionantes e que gosta de gatos, claro!!!!


"Esse não é o livro que vai ensinar a investir no Bitcoin, mas que vai explicar o que afinal é a cripto moeda, como ela é monetizada, no que ela afeta a economia, etc." - No mínimo interessante, concordam!!???

Conta aqui nos comentários qual livro chamou mais sua atenção!!!

Fonte: Assessoria Faro Editorial

Fechando o mês - Fevereiro!!!!


Fevereiro apesar da animação do carnaval, acabei não saindo pra nenhum lugar por vários motivos acabei ficando em casa em segurança e descansando. Além disso foi um mês de resolver coisas de mãe com a advogada, nossa só tem noção da burocracia quem passa pela mesma coisa. Altos e baixos com irmãos, um mês da partida de mãe, além de mudanças na minha vida pessoal. 

Só jesus sabe a fase que estou passando, mas como uma amiga fala, só sabemos a força e a resiliência (capacidade de se adaptar a mudanças) que temos quando precisamos. Ao mesmo tempo estou bem atenta com as pessoas que me cercam, algumas me surpreendem positivamente e outras não cansam de me decepcionar. Mas tenho certeza que tudo vai dar certo no tempo de Deus!!!! Mesmo nessa loucura, consegui finalizar duas leituras, quase três e vi alguns filmes e séries!!! Venha conferir.

Leituras Finalizadas:

Vocês já podem conferir a resenha dos dois livros aqui no blog. Cada um a seu modo me agradou muito, um suspense (Parceria Faro Editorial) e o outro de poesia (autora nacional), primeiro que li e me marcou (leiam a resenha que explico tudo lá).


Lendo - 73% concluído (236/320 páginas)

Impressionada em como essa história está conversando comigo. 
Aguardem que já já trago mais detalhes.


Série Finalizada:

2° Temporada - The Boys (Prime Vídeo)
Essa série é do tipo que nos deixa intrigado. Estou seguindo, mas sem muita empolgação.


2° Temporada - Vicky e a Musa (Globo Play)
Sou apaixonada nessa série, não gosto de musicais mas essa série usa música e artes em geral inseridas no enredo, assim gosto e faz sentido. Achei a história bem sensível e emocionante. A segunda temporada foi o complemento da primeira e seguiu no mesmo ritmo. Bem estilo 'malhação', quem sente saudade se joga sem medo!!!


Filmes vistos:

Ghostbusters - mais além (Prime vídeo)
Para quem cresceu vendo os filmes dos caça-fantasmas, esse filme foi uma grata surpresa. Achei muito inteligente, intrigante e interessante. Agora espero ansiosa pelo próximo filme que sai esse ano, pretendo ver no cinema. Amei!!!!


Dezesseis facadas (Prime Vídeo)
Escolhi ver esse filme por causa da atriz protagonista 'Kiernan Shipka' (eterna Sabrina) e acabei achando a história bem legal, me lembrou os filmes 'Pânico' e 'De volta para o futuro'.


E esse foi o meu mês de fevereiro.
Conta pra mim nos comentários como foi o de vocês.
Que março seja de paz para todos nós!!!