Meus 5 livros favoritos de 2014 - Victor Marcos

Para todos que estão acompanhando e gostando da coluna Leitor convidado hoje temos os livros que mais marcaram Victor Marcos nesse ano. E você já parou para pensar nos melhores livros que teve o prazer de conhecer a historia esse ano!!!??? Em breve trago minha listinha!!!



"Olá, pessoal!!!
Depois de um tempo pensando muito - uma missão bem difícil - consegui escolher 5 livros que considero meus favoritos até agora neste ano que já está terminando. Para classificar os cinco livros usei alguns critérios como: o que mais me prendeu na leitura, enredo, e claro, a emoção e reflexão que o livro trouxe para mim. Então vamos conferir:


5 - O Diário de Suzana para Nicolas – James Patterson
Foi um dos livros mais emocionantes que li esse ano. Eu não estava com expectativa para ler mesmo que "O Dia da Caça" do mesmo autor na qual li, e não foi o que eu esperava, fosse de gêneros diferentes. Eu tinha comprado para minha cunhada de presente e depois que ela leu e disse que adorou resolvi ler mesmo assim. 
O livro me ensinou que os valores das nossas vidas sempre são mais importantes do que as coisas que podemos deixar para depois. Nunca devemos nos deixar sobrecarregar com aquilo que nos deixa desanimado com a vontade de viver, de ser feliz. E que independente do que aconteça de ruim, sempre devemos seguir em frente.

Quote:
"Imagine que a vida seja uma brincadeira em que você fica fazendo malabarismo com cinco bolas. As bolas se chamam trabalho, família, saúde, amigos e integridade. Você está mantendo todas as bolas no ar e um dia finalmente se dá conta de que o trabalho é uma bola de borracha. Se você a deixar cair, ela vai pular de volta. As outras quatro bolas - família, saúde, amigos e integridade - são feitas de vidro. Se você deixar cair alguma, ela vai ficar arranhada, ou lascada ou vai se quebrar de vez. Depois de compreender a lição das cinco bolas, você terá começado a atingir o equilíbrio na sua vida."


4 - As Mentiras de Locke Lamora – Scoot Lynch
O livro gira em torno do Locke Lamora e sua gangue "Nobres Vigaristas". Durante a leitura eu me lembrei da sinopse do livro "É Melhor Não Saber" que diz assim: “Uma história cheia de reviravoltas, na qual ninguém é completamente bom ou mal”. Locke e seus comparsas são ladrões, imagino eu que sejam do mal, porém eu consigo ver neles uma certa bondade e por incrível que pareça eu torcia para que desse certo as aventuras deles. Quando surgiu a disputa pelo poder, fiquei mais animado e ainda chorei (sim, chorei por causa de ladrões). É por isso que considero essa leitura perfeita, um livro de personagens maus, mas que conseguiu me deixar envolver nessa história.

Quote:
“Segundo um antigo ditado camorri, a única constância da alma humana é sua inconstância: toda e qualquer coisa pode sair de moda, mesmo algo tão utilitário quanto um morro recheado de cadáveres.”


3 - Trilogia Divergente – Veronica Roth
Desde que li a sinopse eu fiquei doido para ler a trilogia e acabei ganhando do meu irmão. Eu me apaixonei pelo universo das facções. Um livro que mostra a natureza humana divida para tentar mudar o pior lado humano. Não adianta uma pessoa ser inteligente demais e não ser corajoso para tentar algo novo, mas deve haver o equilíbrio. Esse equilíbrio acontece com os Divergentes como a Tris que tenta mudar o lugar que ela vive e que está em guerra pelo poder.

Quote:
“Os seres humanos, de uma maneira geral, não conseguem ser bons por muito tempo antes que o mal penetre novamente entre nós e nos envenene.”


2 - Seis Anos Depois – Harlan Coben
Minha paixão por livros começou com um livro do Harlan, por isso quando vejo um lançamento dele fico louco para ler. Li apenas dois dele esse ano e "Seis Anos Depois" foi meu favorito. A leitura foi tão rápida que eu me surpreendi. Neste livro, mergulhamos no que um grande amor é capaz de fazer. O amor, quando verdadeiro o leva a fazer algo que nunca imaginaria fazer em busca da pessoa amada.

Quote:
“Sentei-me no último banco da igreja e fiquei assistindo à única mulher que amaria na vida se casar com outro homem.”


1 - Identidade Roubada – Chevy Stevens
E finalmente o primeiro lugar que não poderia ser outro, "Identidade Roubada". São apenas dois livros da Chevy Stevens no Brasil, mas é minha autora favorita. Eu queria tanto que publicassem os outros dois dela!!! É surpreendente e avassalador, o livro é eletrizante do inicio ao fim, me emocionei muito com a leitura, não é nada fácil imaginar que não é apenas um caso de ficção, que realmente existem pessoas que passaram ou estão passando por um sequestro."

Quote:
"... A coisa é bem deprimente, não é? Eu gostaria de contar histórias felizes, ou fazê-la sorrir com algo engraçado. Quando saio daqui, eu me sinto mal por te despejado tanta porcaria em cima de você... Eu me sinto egoísta. Mas não o suficiente para querer mudar. Essa merda me tornou egoísta. Minha tristeza ate certo ponto é meio justificada."


Também adoro a Chevy Stevens, mas ainda não li esse livro citado pelo Victor. Desses livros que ele escolheu já li dois: O Diário de Suzana para Nicolas do James Patterson e concordo, esse livro é maravilhoso e todos deveriam ler; e Seis Anos Depois do Harlan Coben que confesso que não gostei muito, acho seus livros mais antigos mais envolventes. Mas enfim cada um tem seu gosto e o importante é respeitar o outro. E vocês o que acharam??? Já leram algum, desejam???



Obrigada por visitar, ler e deixar sua opinião!!!
Não esqueça de deixar o endereço do seu blog para que eu possa retribuir seu comentário, ok!!!?

6 comentários:

  1. ADOREI!!!
    Um dos meus livros FAVORITOS DE TODOS OS TEMPOS rs sem dúvidas é Identidade Roubada. Li ano passado e é o livro que indico e indicarei para todo mundo que quer ter uma excelente leitura, mas que tenha coragem de encarar um livro assim. Também sou a favor de ter mais livros da Chevy! O outro que li dela, É Melhor Não Saber, é também MUITO BOM, mas não se compara a Identidade Roubada s2

    Beijinhos
    Daisy
    http://nuvemdeletras.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Aline!
    Adorei o post!!! Muito bom.
    Eu adoro a trilogia Divergente assim como ele. Chorei muito com o desfecho.
    Amei também o livro do Patterson. E tenho vontade de ler o livro "As Mentiras de Locke Lamora". Parece ser bom.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  3. Oie,
    É um absurdo eu nunca ter lido O Diário de Suzana para Nicolas. Vou colocá-lo em minha lista de desejados para 2015!!
    A trilogia Divergente também foi umas das minhas melhores leituras este ano. Adorei a narrativa com muita ação :)
    Ainda não li Seis Anos Depois, mas acredito que conseguirei até o final do ano. Espero gostar da escrita do autor.
    Fiquei bem curiosa para conhecer Identidade Roubada, pois parece ser mesmo um livro agoniante e eletrizante!
    Que mais livros bons venham para o próximo ano!!!
    Beijos,

    versosenotas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, Aline!!!

    Obrigado mais uma vez por ter me dado a oportunidade de participar do seu blog!!!

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  5. Só li a trilogia divergente desses.. Não é minha fabirita mas gosto muito do primeiro livro..
    Desses quero ler seis anos depois!
    Boas leiturasVictor!
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
  6. Que Tudo Victor.

    Eu amei O Diário... uma leitura que mexeu muito comigo também. Coben não preciso dizer que é meu amor. E estou com muito medo de ler Divergente. Enfim me deram um Spoiler "maravilhoso" bem do fim e já fiquei traumatizada. Mas mesmo assim ainda pretendo ler, só não sei quando. Os outros infelizmente não conheço..


    Abraços Ni e Victor.

    Beijosss Fer

    ResponderExcluir